domingo, 17 de dezembro de 2017

Eu queria o que não tenho....!?


Eu queria um pé de:
gengibre,
de orégano,
de hortelã,
de manjericão,
de pimenta, para plantar no meu quintal.
Ih, não tenho um quintal...então....
Eu queria um quintal para plantar um pé de:
gengibre,
de orégano,
de hortelã,
de manjericão,
de pimenta,....
e assim nós seguimos num círculo de “precisões” disso, daquilo, do alcançável, do inalcançável, do desejável, do indesejável.....mas sempre querendo mais, e mais, e mais....

Simples assim.

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

Por que sabotamos a nossa felicidade?


É impressionante como o fim de uma parte da nossa vida pode ser o começo do tudo....e mesmo assim chegando a essa conclusão a pergunta que não quer calar é "porque será que o tememos tanto"?
Por que sofremos com o ponto final se sabemos que a vírgula pode ser o símbolo de tristes interrupções e que os travessões só emendam o passado com o futuro não acrescentando nada de novo?
Será que é uma forma de sabotar a tal felicidade que tanto ansiamos?
Na busca de respostas, encantada contemplo a arte do mosaico. A partir de cacos edifica-se uma linda obra de arte, renovando no alegre entrelaçamento das várias formas, das várias cores. E o lindo é que sabemos que tanta beleza nasceu do estilhaçamento do vidro por um instrumento próprio que provoca essa beleza toda nascida a partir da dor, do fim de uma outra peça com o consequente encerramento da função desta.
Assim também vejo o nosso coração que a partir de pequenos cacos também pode construir novas trajetórias colando-os com a cola da fé e da esperança em dias melhores que produzirão uma nova história abrindo nossos olhos para o temor do sofrimento que tanto nos cega a ponto de não percebermos que já estamos sofrendo há muito tempo.
O medo do tão temido fim nos entontece e nos imobiliza turvando a possibilidade do novo e o compromisso com o fim de um amor puramente romântico que nos impede de partirmos na busca do amor que produz, que transforma, que cria e que a partir disso tudo não suporta mais ficar sozinho.
É esse amor que queremos, é desse amor que precisamos.

Simples assim!

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

O possível apesar da evidência do impossível.


Às vezes fazemos uma leitura errada da vida e passamos por ela batalhando por uma felicidade que acreditamos possível apesar da evidência do impossível e não percebemos que apenas nos privamos dela.
Ser feliz é um direito inalienável, é dom de Deus, é um dever que devemos cumprir e não adiar acreditando no inacreditável, perseguindo o inatingível, perdendo-se na incondicionalidade do "se...".

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Segredar os íntimos segredos


Quero versar os carinhos.
E de amor fazer nosso ninho e por amor cantar.
Quero permitir que a vida seja feita de prosa.
E ouvir das notas o falar.
Inibir o medo, segredar os íntimos segredos que num coração possa morar.
Barganhar a dor pelo calor do seu pensar.
Quero carinho,
             ninho,
                  cantar,
                        falar,
                            segredar.
E em seu coração a paz encontrar.

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

A paciência trançada.

Dourados como o sol, assim eram.
Nos causos relatados com carinho.
Ouvi sobre cabelos cacheados, os meus.
Distantes, na infância conservados.
Naqueles tempos eles eram penteados e trançados, com grande paciência.
Se permaneciam não creio.
Pensam que viravam um picumã.
Não há fotos, só fatos contados.

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Parabéns irmã amada!

Parabéns ermã que o Senhor Deus te cubra de bênçãos, de alegria, saúde e felicidade.
Deus achando que eu ficaria triste enviou-me uma menininha baixinha e invocadinha para que eu nunca me sentisse sozinha e aprendesse a dividir e a amar porque metade de mim sou eu e metade de mim é você minha irmã amada.
Sua vida torna a nossa vida especial e abençoada!
Te amo eternamente e uns 6 meses além!
Vivaaaaaaaaaaaa!
"Tão essencial quanto o coração que bate dentro de mim.
Minha amiga.
Minha irmã.
Minha vida."
Luuana Barbosa

quinta-feira, 12 de outubro de 2017

O reencontro com a criança.


O reencontro com a criança que tudo perdoa
Fazer faxina é sempre bom, é o momento que paramos para escolher o que serve e o que não serve, é o tempo de
 tirar a poeira que o tempo vai acumulando;
 enfeitar e perfumar;
 de customizar sentimentos;
 de respirar profundo saboreando o ar  renovado no ato do novo;
 de arrastar os "móveis" que escolhemos para compor a nossa morada,
 de
 varrer a poeira intrincada;
 umedecer o solo infértil pela secura da alma e mesmo satisfeitos(as) pela "faxina na alma".
 E quando vamos organizar a bagunça gestada no desejo da ordem, nos deparamos com desejos, sonhos, ódios, amores, perdão dado, perdão negado, lá atarracados com medo de serem mexidos.
Abra as janelas, arraste os móveis, lave as cortinas, varra o solo, arranque o que está encrustado e que tem medo de ser renovado, sopre, puxe, rasgue, cutuque, corte, sangre, mas não perca a oportunidade da disposição do renovar que te visita, mesmo que isso provoque
 sobressaltos, sustos, risos, choros e gritos.
 Assuma o novo, receba a cura, fortaleça a paz, reencontre a criança pura que tudo perdoa porque não sabe analisar culpas e nem avaliar faltas, ela só reage a dor, ao amor, ao dar, ao negar, ao frio e ao calor.
 Não importa seja você grande, em crescimento, em enchimento,
seja você quem for.
Simples assim.

sábado, 12 de agosto de 2017

Te amo, meu pai!


Pai, meu pai, para mim és o "rosto humano de Deus"!
Sempre presente mesmo na ausência, poderoso e humilde, forte e fragilizado, alegre ou triste, bravo ou compassivo, ou simplesmente pai.
Agradeço ao bom Deus Pai de todos nós por se fazer presente em minha vida com o nome de Manoel João, com voz de trovão, passadas e gestos fortes.
Te amo de qualquer jeito e em qualquer circunstância!
Obrigada por sempre estar presente na minha vida!
O Senhor é glorificado na sua vida meu papai que me faz sentir uma menina quando cuida de mim, preciso e sempre precisarei de ti minha fortaleza, meu esteio, meu exemplo, meu primeiro amor!
Te amo pai, meu pai!!!!

domingo, 30 de julho de 2017

Suspiros sagrados!

“Depois dos suspiros sagrados gestados no prazer do eterno apaixonado ela sorri quando do alto dos 40 metros, de soslaio na janela espera...
e espera...
e feliz sorri ao ver o aceno dele que indica a certeza de que do seu
paraíso, ainda em êxtase,
 ela o contempla e explode em beijos insanos e adeuses cheios de gratidão,
amor e paixão...
Eu sou ela....
Ele é ele.....
Simples assim”!

domingo, 16 de julho de 2017

Caridade e solidariedade na semana.

Viva uma semana abençoada, iluminada e próspera na caridade e na solidariedade.
Boa noiteeee
Simples assim!

💋🙋🏽🌻

domingo, 9 de julho de 2017

Encontro com amigos que são amigos de Jesus


Dia, mais do que feliz e especial de encontro com amigos que "são amigos de Jesus". Eu, e o Irmão Mario Roberto acolhendo o queridíssimo Diácono Paulo Henrique Almeida que nos visita vindo de Anápolis/GO.
Louvado seja Deus por ter permitido a minha presença no Encontro Nacional da Pascom em Aparecida, em 2014 quando e onde conheci pessoas muito especiais, inclusive vocês dois meus queridos.
Que o Senhor os abençoe, ampare e conduza na missão de representá-lo.
Simples assim!
😍😘👏🙌🙏

domingo, 2 de julho de 2017

Rodolfo, o encantador do acordeão!


Meu querido Rodolfo, que emoção vê-lo tocando com tanto amor nesse evento maravilhoso em Mossoró, cidade que o meu coração adotou e onde hoje, tenho uma família que amo tanto e que faz parte da minha vida.
Você sempre me emocionou, lembro-me bem do nosso primeiro encontro quando você se desprendeu da mão do seu pai e, literalmente, se jogou em meus braços. Eras tão pequeno ainda, sua cabeça na minha cintura e seus braços me apertavam bem forte.
Ah foi o suficiente para ganhares o meu amor para sempre!
Parabéns meu menino, por adotar para sua vida valores tão profundos e verdadeiros num tempo em que os jovens se auto concentram em estereótipos, tão próprios do tempo que lhes competem. As suas referências culturais e musicais são apuradas e finas e muito alegram a nossa gente, forte e guerreira, o nosso povo nordestino que tem o Rei do Baião como um dos pilares e, se Deus quiser você seguirá dando voz nos seus acordes.
O sucesso já caminha contigo e o futuro lhe reserva um campo vasto e limpo para ser “evangelizado” com essa cultura linda, genuína, pura e sincera. Que os acordes do seu acordeão denunciem ao mundo a beleza que a música propicia e o encantamento que tanto necessitamos.
“Sorte é para quem acredita nela” e sabe aproveitar o momento certo, apreciar a oportunidade e criar possibilidades. Vá em frente meu menino encantando a todos com esse dom maravilhoso.
Amo muito você!
Simples assim!

Fonte: Divulgando: PROGRAMA SANFONAS NORDESTINAS - RODOLFO LOBO (EDIÇÃO 08)