domingo, 22 de dezembro de 2013

Atravessei a calçada.

Estou adorando atravessar a calçada, assim posso observar a estrada por tanto tempo caminhada, por um novo ângulo, por um novo prisma, com cheiros e sabores novos, e muito embora possa ser a mesma história ela fica diferente, pois está sendo contada num tom diferente, num ritmo diferente ganhando nova roupagem, nova performance mesmo sendo a mesma é sempre possível que surja uma diferença revigorante.

Simples assim.